Nãm Urban Farm e Delta Cafés aumentam produção de cogumelos a partir da borra do café

Avaliação: / 0
FracoBom 

 
A Delta Cafés e a Start Up Nãm pretendem duplicar o número de clientes em Lisboa até ao final do ano, aumentando a capacidade de produção de cogumelos na Nãm Urban Farm produzidos a partir da borra do café.

Actualmente com uma capacidade de produção mensal de uma tonelada de cogumelos (equivalente a 3 toneladas de borra de café), a Nãm Urban Farm passará, a partir de Julho, a ter uma capacidade instalada que lhe permitirá produzir mensalmente 4 toneladas de cogumelos (correspondente a 12 toneladas de borra de café) com o objectivo de dar resposta ao aumento exponencial da procura de cogumelos Nãm que já são comercializados para cerca de 100 restaurantes na cidade de Lisboa e, também, ao consumidor final que os pode adquirir directamente na Nãm.

De portas abertas em Marvila, Lisboa, há cerca de seis meses, a Nãm Urban Farm é um dos projectos que integram a estratégia de sustentabilidade e boas práticas ambientais da Delta Cafés. Neste espaço, aberto a qualquer visitante, é dada uma nova vida à borra do café para a produção sustentável e consciente de cogumelos que, posteriormente são vendidos à restauração, completando um círculo perfeito.

Para Rui Miguel Nabeiro, Administrador do Grupo Nabeiro - Delta Cafés "a Nãm é um projecto vencedor e que está a criar valor à comunidade, conciliando a economia com a ecologia, que é o maior desafio do nosso tempo. É a prova de que é possível reduzir o impacto ambiental e maximizar o impacto social positivo, assente numa produção eco-eficiente e no desenvolvimento de projectos sustentáveis".

Para Natan Jacquemin, "a boa receptividade da Nãm revela que os cidadãos estão cada vez mais conscientes de que é imperativo construir um futuro mais sustentável e a nossa intenção é crescer no território nacional, através da implementação de quintas urbanas locais".

A par da comercialização de cogumelos, a Nãm Urban Farm organiza visitas ao espaço como forma de partilhar a paixão pela economia circular, pela agricultura urbana, por um café de excelência e boa comida local. O social club funciona de quarta-feira a sábado das 14.00 às 19.00 horas, na Rua Amorim n.º 11, em Lisboa.