Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária

"Memórias" de Victor Cameirão em exposição em Monsaraz


 
A Igreja de Santiago – Galeria de Arte, em Monsaraz acolhe até ao próximo dia 29 de Agosto, a exposição "Memórias", de Victor Cameirão. A mostra integra o ciclo de exposições Monsaraz Museu Aberto e apresenta trabalhos em óleo sobre tela e acrílico que poderão ser apreciados diariamente das 9.30 às 12.30 horas e entre as 14 e as 18 horas.

Victor Cameirão nasceu em Santo António do Baldio, no concelho de Reguengos de Monsaraz, é professor aposentado e pintor autodidacta desde 1970. O artista tem participado em diversas exposições individuais e colectivas, encontrando-se representado em colecções particulares e institucionais.

Nesta exposição, o pintor faz surgir da sua obra a beleza de Monsaraz e do Alentejo, expresso no colorido e nas formas que traduzem um olhar aguçado sobre a vida e sobre as coisas. A presença da figura humana invoca memórias e sensações bem definidas no texto do poeta Manuel Sérgio: "Expectantes entremos no espaço expositório e olhemos as figuras idóneas, personagens que foram das tradições usanças e costumes neste chão planura avivando-nos a memória.

Num desfile seguro de emoções trazidas à tela por Victor Cameirão numa sementeira de traços, vivências e tons como um grito d’alma, que ecoa pelo coração da terra abraçando profundamente o solo arável do homem. Pela moldura ecuménica da ceifa, onde as mulheres obstinadas vencem a solidão que os rostos soletram quando o céu de palha abrange os corpos pelas horas que levam à eira o ouro das espigas que em molhos de vida, pão hão-de ser.

Victor Cameirão leva-nos num concerto de sensibilidade agrária até à suprema beleza dos girassóis quase luz etérea a fugir do retábulo. Sobrevoando o assimétrico casario da urbe com asas de profunda claridade, saímos enriquecidos desta exposição na qual Victor Cameirão se afirma e nos afirma ser um pintor de referência maior para quem o Alentejo e a secular Monsaraz são o Castelo que debulha a criatividade das formas que nos oferece e nos embala os sentidos".

Número de casos ativos de Covid-19 volta a subir no concelho de Elvas

O número de casos activos de Covid-19 disparou esta terça-feira, dia 29 de Julho, em  Elvas, tendo-se registado só neste dia, 18 novos casos de SARS-CoV2 no concelho.

De acordo com o relatório da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), o número casos activos no concelho voltou a aumentar esta quarta-feira, dia 30, registando-se 3 novos casos activos, subindo assim o número de infectados para 33.

Segundo a ULSNA, o concelho de Elvas registou deste o início da pandemia 1035 casos de Covid-19, dos quais 29 acabaram por falecer.

Consulte aqui os dados de hoje disponibilizados pela ULSNA.

ELVAS: Câmara Municipal cancela todos os eventos até 31 de Agosto


 
A Câmara Municipal de Elvas anunciou na manhã desta quarta-feira, dia 30 de Junho, o cancelamento de todos os eventos culturais, desportivos e recreativos organizados pela autarquia até ao final do mês Agosto, devido ao aumento do número de casos de Covid-19 no concelho.

Nuno Mocinha, presidente da Câmara Municipal de Elvas, afirmou em conferência de imprensa que "as notícias não são agradáveis", recordando que "a evolução da Covid no nosso concelho não tem vindo a ser como nós gostaríamos que fosse".

"Ao início tínhamos um caso. Tivemos ainda alguns dias sem nenhuns casos, mas a verdade, é que ao dia de ontem, já tínhamos 30 casos activos, e por aquilo que sei hoje, vamos aumentar esse número", disse o autarca.

"Ao final do mês de Julho vamos fazer uma avaliação, e vamos ver o que é que vai acontecer no mês de Setembro", disse Nuno Mocinha.

Nuno Mocinha recordou ainda que, a Câmara Municipal decidiu cancelar todos os eventos até final do mês de Agosto, "porque é agora são contratados". Por isso "não posso decidir uma coisa de hoje para amanhã…", salientou o presidente da Câmara Municipal.
Faixa publicitária
Faixa publicitária

ELVAS.com.pt O Portal da Cidade
´