Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária
Faixa publicitária

Troço da estrada que liga Borba a Vila Viçosa cai em Pedreira

Avaliação: / 0
FracoBom 
 
Um troço da antiga estrada que liga Borba a Vila Viçosa, também conhecida como estrada das Pedreiras, colapsou na tarde desta segunda-feira, dia 19 de Novembro, para o interior de uma pedreira, ficando submersos alguns veículos que passavam naquele local.

Confirmados estão duas vítimas mortais, funcionários da pedreira, que se encontravam a trabalhar numa retro-escavadora. O corpo de uma das vítimas já foi resgatado.

Ao que se sabe, mais três viaturas ficaram submersas, estando os trabalhos de salvamento a decorrer.

José Artur Neves, secretário de Estado da Protecção Civil, afirmou que "estão mobilizados todos os meios necessários para com toda a segurança regatar as vítimas".

Aponta tratar-se de "um incidente de grave de grande complexidade" como verificou no local, avança que o "arrastamento grande massa do solo, com uma mistura de pedras, que resvalou sobre um poço com cerca de 200 mil metros cúbicos de água", obriga a grandes cuidados nas operações, requerendo "cuidado do ponto de vista da engenharia".

"O que temos em termos legais e de conhecimento é que a situação estava perfeitamente segura", afirmou António Anselmo, presidente da Câmara Municipal de Borba.

O autarca apontou prontidão na actuação dos operacionais, dizendo que "em menos de meia hora tínhamos 5 geradores dentro da pedreira".

Negando a existência de conhecimento prévio de falta de segurança das estradas, António Anselmo garante acreditar “que ninguém autorizasse uma pedreira que não estivesse dentro dos limites” de segurança, nomeadamente a Direcção Regional de Economia que licencia as pedreiras.

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, já garantiu que será aberto um inquérito ao sucedido no acidente ocorrido em Borba, tendo também apresentado as condolências às famílias das vítimas.

"Trata-se de uma situação em que têm de ser apuradas as responsabilidades. Será aberto o devido inquérito. Como sabem, é uma estrada municipal relativamente à qual é preciso também apoiar a recuperação, mas é um tema que nos condói a todos", afirmou.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa já se deslocou ao "teatro de operações", contudo não prestou declarações aos jornalistas.
Faixa publicitária

ELVAS.com.pt O Portal da Cidade
´