Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária
Faixa publicitária

Reguengos de Monsaraz vai reutilizar água residual tratada para rega de espaços verdes e serviços

 
O Município de Reguengos de Monsaraz vai avançar com um projecto de economia circular para reutilização de água residual tratada para rega e águas de serviço, num investimento de cerca de 331 mil euros. Com o crescimento das instalações da Maporal – Matadouro de Porco de Raça Alentejana estima-se um volume diário de água residual tratada e rejeitada no meio hídrico de 700m3, que poderá ser reutilizada pela autarquia.

A câmara municipal pretende desta forma reduzir os consumos de água potável para usos como a rega de espaços verdes, lavagens de ruas e viaturas, assim como para águas de serviço, nomeadamente higiene urbana e infraestruturas de esgotos domésticos e pluviais. A autarquia tem também como objectivos incrementar a reutilização das águas residuais tratadas para usos agrícolas ou urbanos compatíveis com a sua qualidade final e aumentar a resiliência do sistema de abastecimento de água em baixa do concelho a períodos de escassez de água, de modo a adaptar o sistema às alterações climáticas.

Com a implementação do projecto "Economia circular – reutilização de água residual tratada para rega e águas de serviço" são esperadas reduções nos consumos de água no sistema público de distribuição de água do concelho de 37.650m3 por ano, que representam actualmente menos 22.590 euros de custos por ano. O projecto prevê a recolha e envio da água residual tratada (tratamento secundário) para a Estação de Tratamento Terciário (avançado), o tratamento avançado da água residual tratada de modo a garantir qualidade de água de reutilização de Classe A e o armazenamento e distribuição para os pontos de rega e usos de serviços.

Assim, o projecto consiste na construção de um poço de recolha de água residual tratada de 9m3 e a bombagem e rede de transporte de 750 metros da água residual tratada entre a ETAR e a Estação de Tratamento Terciário. Para além desta infraestrutura será também construída a Estação de Tratamento Terciário, que abrange a montagem do sistema de filtração e desinfecção ultravioleta, de um reservatório de 250m3, do sistema de re-circulação e afinamento, do sistema de bombagem para a rede de distribuição e de filtros de carvão e areia para a remoção final do cloro. Será igualmente feita a rede de distribuição de água residual tratada final, numa extensão de 340 metros, até aos pontos de entrega para a rega do Parque da Cidade e para o sistema de entrega de água reutilizada para águas de serviço e lavagens de viaturas.

GNR reforça ações de fiscalização ao cumprimento das medidas Covid-19

 
A Guarda Nacional Republica (GNR) iniciou um reforço do patrulhamento e da fiscalização ao cumprimento das normas e medidas associadas à declaração da situação de calamidade, contribuindo para a prevenção da disseminação da Covid-19.

Tendo entrado em vigor novas medidas, de carácter excepcional, necessárias ao combate à Covid-19, a GNR irá orientar o patrulhamento e a visibilidade policial para os locais de maior circulação e propícios ao ajuntamento de pessoas, como as escolas, superfícies comerciais e outras áreas afectas a actividades de lazer, relembrando ainda que a concentração de pessoas foi agora reduzida para um máximo de cinco.

A GNR irá também monitorizar o cumprimento das medidas em vigor através do reforço da informação e de acções de sensibilização, não deixando de actuar com firmeza, quando necessário. Para além do regime contra-ordenacional em vigor, a GNR recorda ainda que a violação do confinamento obrigatório constitui crime de desobediência, assim como o não acatamento de uma ordem legítima do militar da Guarda para fazer cessar uma infracção neste âmbito.

Delta Q desenvolve campanha digital para Millennials e geração Z

 
No âmbito da estratégia de employer branding, a Delta Q lançou uma campanha digital que decorre, até 29 de Dezembro, nas suas redes sociais e que é a materialização do conceito "A minha intensidade".

Nesta campanha digital dirigida aos Millennials, a Delta Q apresenta a sua equipa e divulga o seu lado B, promovendo a criação de laços emocionais com consumidores e parceiros e, paralelamente, mostra que a mesma intensidade e a preferência por um blend consegue juntar pessoas com perfis completamente diferentes.

Através do linkedin e de um microsite alojado em Delta Q, tornam-se públicas as caras que constroem a Marca e que se dão a conhecer através de entrevistas rápidas onde destacam os momentos mais "intensos", os desafios profissionais e os momentos marcantes vividos na Delta Q.

A campanha inclui ainda a disponibilização de 5 playlists com "intensidades" diferentes no Spotify. Para os apreciadores da intensidade EpiQ, elege-se o rock; para Qharacter, a bossa nova; chill out para os apreciadores de deQafeinatus e a música portuguesa para aqueles que não prescindem do sabor de mythiQ.

Especialmente a pensar na geração Z, a Delta Q vai desenvolver conteúdos para amplificar o conceito "A minha intensidade" no Tik Tok, que, de forma divertida e descontraída, caracterizam a Delta Q.

No facebook e instagram serão lançados passatempos que desafiam os consumidores a identificar a sua intensidade. O objectivo é mostrar qual a intensidade preferida através de uma fotografia original. Os participantes habilitam-se a uma máquina e à oferta de um ano de cápsulas Delta Q. Para participar basta ter o perfil público e identificar #AMinhaIntensidade e mydeltaq.com.

Todas as semanas será lançado um post no Linkedin e um vídeo. A campanha arranca amanhã, com o post de Rui Miguel Nabeiro, numa entrevista surpreendente e com a revelação do seu blend preferido.
Faixa publicitária
Faixa publicitária

ELVAS.com.pt O Portal da Cidade
´